31 de mar de 2009

Essa imagem é a cara do título do blog!

"Fórmula 1, segundo Rubinho"


Sensacional a tirada do José Simão (leia a coluna completa clicando aqui).

Críticas à parte, há de se concordar com uma coisa: o que tem mandado na Fórmula 1 é mesmo o carro, e não o piloto.

Fosse o contrário, Rubens Barrichello não teria tido a (quase) bela performance na Austrália no último domingo.

Ficou provado que o nível de talento dos pilotos da elite do automobilismo mundial é muito similar. Naturalmente, há as exceções, tanto para o lado da perfeição quanto para o da mediocridade.

O fato é que Rubinho está na metade superior dessa divisão. O piloto brasileiro, quase compulsoriamente aposentado quando da retirada da Honda no final do ano passado, se mostrou capaz e demonstrou que, com um carro competitivo, pode fazer a diferença.

Nos resta agora torcer. Afinal, a sede de conquista de um título mundial na F1 continua grande.

30 de mar de 2009

E-mail na empresa: uma coisa, uma coisa; outra coisa, outra coisa



Quem nunca se pegou questionando algumas arbitragens corporativas? Uma delas é o torcer de nariz das empresas (pra não dizer coisa pior, como ‘proibido’) para o uso do e-mail corporativo para fins pessoais.

Há diversas discussões na esfera da ética profissional que pendem, de um lado, para a invasão da privacidade dos funcionários e, de outro, para o mau uso do patrimônio das empresas pelos seus contratados.

Um argumento ligeiramente rebelde, quase que sindicalista, defende que os funcionários teriam o direito constitucional à privacidade, sendo inadmissível às empresas a fiscalização do uso e do conteúdo das mensagens eletrônicas enviadas e recebidas por seus empregados.

As firmas contra-argumentam que o equipamento, o software, a linha de conexão com a internet e, sobretudo, o tempo de expediente dos seus funcionários são, guardadas as devidas proporções, de sua propriedade. Logo, defendem que tudo isso aí deve ser utilizado em prol da realização dos trabalhos. Apenas.

Há empresas que chegam a proibir (literalmente, pois bloqueiam sites e programas) o acesso a msn, orkut, blogs e afins. Outras, mais rígidas, barram por completo a internet. Apenas a intranet (a internet interna, se quiser) é logicamente liberada.

Em pleno século XXI, o leitor há de concordar ser um tanto exagerado o bloqueio à rede mundial de computadores. Afinal, a velocidade da troca de informações, seja entre empresas do mesmo grupo – localizadas em outras cidades, países e até continentes –, fornecedores, clientes e governos, só traz benefícios ao dia-a-dia de todos.

No entanto, falamos aqui de pessoas. E, naturalmente, a sujeição das empresas a abusos por parte dos funcionários é inevitável. Afinal, quando se está no escritório, quem deixa de olhar o orkut, o msn, o site de classificados de empregos, o google (atrás daquela receita de torta de legumes), a sessão do cinema?

Com o perdão do clichê, como tudo na vida, o equilíbrio é sempre a melhor solução. Se, de um lado, as empresas adotarem uma postura mais educativa, ao invés de proibitiva, é bem possível que as pessoas passem a respeitar mais seu próprio horário de expediente, sendo, por consequência, mais produtivas e mais valorizadas. Pois, como é fato, ser tratado com respeito e confiança só gera motivação.

Vale também um comentário pessoal sobre usar o e-mail da empresa para as ‘minhas coisas’. O motivo que me levou a escrever este artigo foi justamente a impossibilidade de resgatar algumas pessoas, lembranças, projetos que ficaram no servidor de alguma empresa em que trabalhei no passado. Ou será que alguém faz backup dos seus e-mails da empresa? Se fosse assim, seria muito mais fácil já utilizar de uma vez por todas o e-mail pessoal. Ainda mais agora que os serviços gratuitos como google, hotmail, ig, yahoo e tantos outros chegam a oferecer 5, 10 e às vezes até mais gigabytes de armazenamento.

Assim, meu caro leitor, a fim de não causar mal-estar com o RH da sua empresa e também não deixar que suas mensagens pessoais evaporem do servidor da firma logo após sua saída, convenhamos: uma coisa, uma coisa; outra coisa, outra coisa (como diz minha amiga Bia Magnani). Não custa nada separar as estações. Use seu e-mail pessoal também na empresa e seja feliz. A não ser, é claro, que a área de TI tenha bloqueado seu acesso à internet. Aí, nesse caso, o melhor é fazer como bem recomendou Manuel Bandeira: vá dançar um tango argentino.

Afinal, em época de vacas magras, não dá pra sair chutando o pau da barraca e trocar ou pelo menos tentar trocar de emprego como se troca de roupa.

A propósito, de onde você está lendo este artigo? Seria do micro do escritório? Sei, sei.

28 de mar de 2009

Quer ganhar 11 mil reais por indicar pessoas para vagas de emprego?

É isso mesmo. Dois sites estão pagando dinheiro vivo para quem indicar pessoas para vagas de trabalho anunciadas por eles.

A recompensa varia de de acordo com o cargo em questão. No site da Alludere, por exemplo, há nesta semana um vaga para CFO (Chief Financial Officer), cujo prêmio é de cerca de 11 mil reais. Veja bem, isso é o prêmio, pois o salário ultrapassa os 28 mil/mês.

A recompensa só vale para os casos em que houve, de fato, a contratação do indicado.

De toda forma, essa não deixa de ser um iniciativa interessante.

Vale a pena conferir. Clique nos links abaixo.

   

27 de mar de 2009

Da época em que eu trabalhava na Honda

Ligue o som.

Contemplação (só isso mesmo)


Enquanto isso, na Sala de Justiça...

foto: Agência Estado

Esfolados por impostos por todos os lados (pra não mencionar o mau uso do dinheiro público), ainda temos de nos deparar com empresários como a Sra. Eliana Tranchesi, dona da Daslu, famosa outique paulistana. A dondoca fraudou o Erário em mais de R$ 1 bilhão em sonegação fiscal. Mas, foi presa ontem pela Polícia Federal. (leia mais)

A decisão da juíza da 2ª Vara Criminal de Guarulhos/SP lavou a minha alma.

Tudo bem, vá lá, ainda há habeas corpus, apelação etc., mas o fato é que o Judiciário dá sinais de que crimes como esses não mais passarão impunes.

Será que mesmo após tantos indícios, provas e condenações, o crème de la crème das consumidoras frenéticas continuará a frequentar a Daslu?

Aliás, ninguém vai fechar a loja não?

Conversa com o Dunga

Após marcar dois gols ontem contra a Ponte Preta, o atacante corinthiano, Ronaldo, disse em entrevista coletiva que sua meta é marcar 30 gols pelo Timão nesta temporada de 2008.

Até aí, tudo bem. Sonhar não é proibido.

O bolinha emendou o próprio comentário e já avisou: assim que atingir tal marca, vai "discutir com o Dunga" sua volta à seleção.

Não fosse pelo comentário um tanto quanto prepotente, eu até que daria meu voto ao gordinho.

Oooo lá em casa!

Scarlett Johansson é simplesmente a atriz mais linda da atualidade.

Para conferir mais fotos dessa beldade, visite o blog de fotos (clique aqui) desse EPETACULO, queridinha do Woody Allen.

Lula causará incidente diplomático com a Itália? (leia até o fim)

foto: AP

Que ridículo! Em plena Nova Era, o nosso presidente tira da cartola o comentário mais preconceituoso do ano. Pôs a culpa da crise mundial no que ele chamou de "gente branca, de olhos azuis." (leia reportagem completa aqui)

Pior! Cometeu tamanha gafe em plena entrevista coletiva que deu ao lado de Gordon Brown, primeiro ministro britânico. O inglês, desconsertado, saiu pela tangente mudando de assunto imediatamente. O Lula tem muito a aprender ainda.

Já não bastasse o tanto que a humanidade sofreu (e ainda sofre!) com racismo, o nosso presidente fica por aí fazendo apologia ao tema.

Tanta gente competente trabalhando ao redor do mundo para construir um lugar melhor para as futuras gerações, e uns tão à toa, falando de improviso, com total despreparo.

Só falta agora o Lula pôr a culpa das CPIs que sempre terminam em pizza nos italianos.

Gente, chama o síndico!


26 de mar de 2009

Comunidade de Rio Preto no Linkedin

Criei uma comunidade no site LinkedIn, maior portal de relacionamento profissional da rede mundial. É uma espécie de orkut corporativo.

Para se cadastrar no grupo, clique em http://tinyurl.com/riopreto.

Para me adicionar à sua rede, clique aqui.

Se ainda não tiver um perfil criado no LinkedIn, acesse linkedin.com. Recomendo!

Presente que não tem preço



Revirando o baú dias atrás, encontrei uma preciosidade. Trata-se de um presente que minha amiga Marcela Granado me deu no Natal de 2004. Simplesmente não tem preço! Se você já é meu amigo no orkut, clique aqui. Se não é, me adicione clicando aqui.

Conversa no MSN

Transcrição de uma conversa no MSN com uma grande amiga, a Lilian Smeke, em 29 de outubro de 2008, na qual falávamos de como o mundo e as pessoas estão:

Lilian diz: Muita ansiedade no ar. Todo mundo meio desesperado. É isso que noto. A maioria preocupada com o que os outros vão dizer... enfim... preocupados com o julgamento dos outros e esquecem de viver a própria vida... Aí fica tudo superficial. Mas será que o mundo é assim, Rodrigão?

Rodrigo diz: Não, tudo isso é ilusão. Ilusão da dimensão em que vivemos. O mundo não é assim. Ao contrário, o mundo é perfeição,é amor,é bem-estar. Na verdade, a gente tem de regridir. Digo, regridir ao nosso estado original, o estado da essência divina, da essência criadora,que é só amor. Nada mais. Quando voltarmos pra isso, aí sim seremos plenos. Todo o resto é fantasia, devaneio criado por nós mesmos. Não existe pecado, não existe ninguém nos julgando. O que existe é o nosso distanciamento desse estado puro. Distanciamento do que a fonte criadora nos fez, e de que Ela própria é composta. E essa energia toda, de bem-estar, de amor, está aí, à nossa disposição, vibrando 100% do tempo. Em todo o espaço. Isso que é onisciência, onipresença, onipotência. Logo, isso que é Deus! Está aqui, dentro da gente, o tempo todo. A escolha que é nossa. Porque Ele nos fez tão perfeitos e tão livres, que podemos escolher o tempo todo. Por isso que as parábolas das Escrituras dizem que sempre seremos perdoados, quantas vezes for necessário, porque a fonte está à disposição sempre. É inesgotável. É ela que faz o Universo se expandir, constantemente. E são os nossos pensamentos, os nossos desejos que colaboram para isso. Ao pensarmos, as coisas se materializam, e assim o Universo se expande. É muito lindo. É muito perfeito. Basta termos a certeza de que somos criadores. Somos mais do que a imagem e a semelhança da fonte. Somos da mesma essência e composição dela. Pense nisso!

Quem sou eu


Transformador, não conciliador. Questionador, não conformado. Inquieto, mas sereno. Na minha. Respeito e defendo o direito do ponto de vista do outro, mas não me peça para concordar. Ou então, me convença. Aberto. Basta me mostrar o caminho. Mas se não tem o caminho ou não tem a capacidade de enxergá-lo, então não mo enfie guela abaixo. Curioso. Buscando o retorno para a Fonte. Não é a gente que é imperfeito. Cada um de nós que desvirtou do caminho. Basta retornar. Isso é Amor Divino. Esse sou eu, Rodrigo. Mas é só a ponta do iceberg. Você se atreve a descobrir-me mais? Eu me atrevo a descobrir-me mais? Pode ter certeza que sim.

Mulheres e vinho tinto


Vinho suave não dá.

A companhia fica sem graça.

Este post se propõe a levantar avaliações do leitor sobre as mulheres que preferem vinho doce versus as que preferem o seco, tudo do ponto de vista da performance sexual da mulher.

Vale também relatar indícios ou meras especulações a respeito.

A sorte é o fato de haver cada vez mais mulheres que apreciam vinho seco. Hum... Conhecer uma sommelier (ou seria sommelière?) não seria má ideia...

Salto alto?

Melhor comentário sobre salto alto dos últimos tempos:

“A woman that puts on very-painful-to-wear shoes with stylishly pointy high heels is one of those incredibly shallow, insecure women who would rather be in pain all day and look good than wear tennis shoes.

Tradução: “Uma mulher que veste sapatos de salto alto dolorosos de usar e elegantemente pontudos é o tipo de mulher incrivelmente superficial e insegura, que prefere estar com dor e parecer bem vestida todos os dias a usar um par de tênis.” (traduzido e adaptado de um episódio de ‘House’)

O poder do vernáculo

Amante das palavras, vez por outra postarei aqui no blog algumas de minhas preferidas e suas definições em dicionário.

Começo com a palavra 'graça'. A foto, que tirei próximo à Riviera de São Lourenço, mostra uma graça de Deus: a ilusão ótica de que o sol toca o chão, a água.

Há muito mais beleza do que nos permitimos enxergar. Você não acha?


gra.ça sf (lat gratia) 1 Benevolência, estima, amizade. 2 Perdão, indulgência, indulto. 3 Teol Dom sobrenatural, socorro espiritual concedido por Deus para conduzir as criaturas à salvação, para a execução do bem e para a santificação. 4 Agrado ou atrativo nas palavras, maneiras e atitudes de alguma pessoa. 5 Airosidade, aparência agradável, atraente, encantadora. 9 Facilidade e elegância no estilo. 6 pop Nome de uma pessoa: Como é sua graça?

A Promessa de Deus

Como primeiro post deste blog que nasce neste instante, nada mais adequado (e não pretendo usar de muita adequação daqui em diante) do que começar pelo início, meio e fim de tudo no Universo: Deus.

Sempre acreditei, desde muito pequeno, numa força única, que amalgama todas as energias em suas mais diversas formas de manifestação. Por isso, já peço licença aos olhos do leitor para escrever sobre o que me vier à mente, inclusive sobre Deus. Afinal, se tal força é a enzima de tudo, logo, ela está em cada um de nós também.

Mas antes de iniciar tamanha ousadia, prefiro transcrever um texto que não escapa do meu HD. É sobre a promessa de Deus.

Boa leitura!

"Deus prometeu que se confiarmos Nele, Ele nos ressarcirá de todas as coisas injustas que nos aconteceram. Talvez você tenha sido passado para trás em um transação comercial e tenha perdido muito dinheiro. Talvez alguém tenha mentido a seu respeito e essa informação incorreta tenha atrapalhado a sua promoção. Ou talvez um amigo íntimo o tenha traído. Sem dúvida, esse tipo de perda deixa cicatrizes indeléveis, fazendo com que você queira se agarrar à dor. Seria lógico que você procurasse se vingar. Muitas pessoas até mesmo o incentivarão a fazer isso. O slogan "Don't get mad, get even!" (Não fique zangado, acerte as contas!) é um princípio bem aceito hoje em dia. Mas esse não é o plano de Deus para você. Se você quiser viver da melhor maneira possível agora, precisa aprender a acreditar que Deus promoverá a justiça na sua vida. A Bíblia diz o seguinte: "Deus é justo e Ele resolverá as questões do Seu povo." Isso quer dizer que você não precisa sair por aí tentando se vingar das pessoas. Deus é o seu defensor. Você tem de começar a permitir que Ele lute as suas batalhas por você. Deixe que Deus resolva os seus problemas. Deus prometeu que se você Lhe entregar essas questões e deixar que Ele lide com elas da Sua maneira, Ele corrigirá a situação. Deus promoverá justiça em sua vida." Osteen, Joel - In "O Momento É Este!", Best Seller